Páginas

26 de jun de 2012

Rotary Club de Carangola – 70 Anos


O Rotary Club de Carangola completou no dia 02 de junho seus 70 anos de fundação. Para celebrar a data, os rotarianos prepararam no último domingo (10) um café-da-manhã no Hotel Central, local onde aconteceram as primeiras reuniões da entidade em Carangola. Participaram desta solenidade diversos ex-presidentes e familiares, numa demonstração da força e tradição dos ideais de Rotary na cidade. Este documentário foi produzido através de entrevistas com a Presidente 2011/2012, Rejane Motta de Souza, o Governador do Distrito 458 do Ano Rotário 1968/1969, Dr. Vasco Lauria da Fonseca, e o eterno Presidente da Comissão de Frequência, Walker Batalha Lima.
Fundado em 1942, o Rotary Club de Carangola, juntamente com outros 45 clubes de distintas cidades, pertence ao Distrito 4580, uma maneira de distribuir os clubes que difere das divisões políticas das unidades da federação. Cada distrito possui um Governador e Carangola já teve a honra de ter o Dr. Vasco Lauria da Fonseca como Governador da Gestão 1968/1969. Há 70 anos, o Governador Distrital era o rotariano Plínio Leite, da cidade de Niterói, que fundou vários clubes na região. O Rotary de Guaçuí/ES é o clube Padrinho de Carangola, que por sua vez apadrinhou os Rotary de Muriaé, Tombos e Matipó. As reuniões semanais do Rotary, onde se busca reconhecer os valores dos profissionais da comunidade e elaborar projetos sociais, foram realizadas no tradicional Hotel Central, e foram transferidas para o Carangola Tênis Clube logo após a fundação deste no ano de 1954.
Foram sócios fundadores do Rotary de Carangola os seguintes rotarianos: Altivo Luiz da Silva Thomé, Antenor Teixeira Lima, Antonio Lima, Dr. Augusto Marinho Amarante, Bráulio Costa, Dr. Edgard Guimarães, Dr. Geraldo Azevedo, Dr. Gothardo Soares de Gouvêa, Dr. Alcides Pereira, José Branco Junior, Dr. Luiz Barreto Corrêa de Menezes, Dr. Mário Ferreira Neto, Dr. Mendonça Junior, Dr. Nilo Ferraz de Carvalho e Dr. Sebastião Arruda Prado. O primeiro presidente foi o Dr. Luiz Barreto Corrêa de Menezes. A admissão das primeiras mulheres no Rotary de Carangola foi possível apenas a partir de 2001, sendo que desde então, quatro mulheres já ocuparam a presidência: Amélia Maria Freitas Monteiro de Castro, Heloísa Helena Pinheiro de Lacerda Leite, Maria Elisabete Leite Eisenlohr Andrade e Rejane Motta de Souza, e a próxima presidente será a rotariana Sandra Fonseca de Oliveira. Dos atuais 27 associados, 11 são mulheres. 
Os rotarianos são pessoas de ambos os sexos, profissionais de todas as atividades dignas, de vida particular respeitável, líderes em suas atividades e se destacaram de alguma forma, tendo por isso mesmo sido lembrados por sócios de um clube da região, que os convidam para também ingressar em Rotary, por reconhecer neles, as qualidades e os méritos para fazer parte desta alavanca de trabalho em favor do próximo, dos menos favorecidos.  Prestam serviços voluntários em favor da sociedade como um todo através da execução de projetos sociais e desenvolvem projetos variados nas áreas de educação, saúde, meio ambiente, infância e juventude, dentre outras, buscando a melhoria da qualidade de vida, a manutenção da dignidade humana e a promoção da compreensão e paz mundial.
Em Carangola, seja por meios diretos ou através de influência, podemos destacar os seguintes serviços prestados à comunidade pelos rotarianos: instalação e funcionamento da primeira torre de televisão; contribuição para a vinda da CEMIG; utilização dos postes para sinalização do trânsito; criação da APAE de Carangola; ajudas financeiras para a Casa de Caridade, Hospital Evangélico, Pioneiras Sociais, Sociedade São Vicente de Paulo, Asilo dos Inválidos, Instituto São José, Colégio Santa Luzia, e Guarda Mirim; ampliação do cemitério municipal; campanhas para asfaltamento das estradas Carangola/Fervedouro, Carangola/Espera Feliz, Carangola/Tombos e Carangola/Manhumirim; implementação de novas linhas de ônibus ligando nossa cidade a outros municípios, incluindo a linha Carangola-Vitória; colocação de barracas nas exposições agropecuárias; reativação do Tiro de Guerra; programa de alfabetização Light House; doação de recursos para a Fundação Rotária; apoio ao Programa JCC (Jovens Construindo a Cidadania); intercâmbios internacionais de jovens e profissionais; e os projetos em andamento, que são o Doce Real Feliz, Costurar Reciclando e Rio Carangola que te Quero Verde.
            A presença do Rotary em Carangola pode ser notada também através dos monumentos denominados de Marco Rotário, localizados no trevo Carangola/Fervedouro, na entrada do Carangola Tênis Clube e próximo ao Parque de Exposições, além de uma placa próximo ao Terminal Rodoviário onde foi plantada uma árvore da espécie pau-brasil que celebrou os 50 anos de fundação do Rotary International e a amizade entre os Rotary de Carangola e Bom Jesus do Itabapoana/RJ. Temos, ainda, a Praça Rotary, no Bairro Santa Emília, e a participação da entidade nos desfiles comemorativos da Independência, no dia 07 de setembro de cada ano.
As esposas dos rotarianos formam a Casa da Amizade, cuja sede está localizada à Praça Presidente Getúlio Vargas, 16, próximo à Rodoviária. O Rotary é responsável pela manutenção do Interact e Rotaract Clubs, dando a oportunidade para a juventude se organizar e elaborar projetos de prestação de serviços à comunidade, despertando-lhe o sentimento de cidadania e o interesse de no futuro se tornarem rotarianos. O Interact Club de Carangola foi fundado em 1968 e é formado por adolescentes com idade entre 12 e 18 anos, cujas reuniões acontecem às sextas-feiras, às 18:30hs, na sede da Casa da Amizade. Neste mesmo local, aos sábados, 17 horas, são realizadas as reuniões do Rotaract, composto por jovens estudantes e profissionais com idade entre 18 e 30 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário